top of page
  • Foto do escritorAbner Oliveira

Belezas naturais, artes e hospedagem aconchegante são atrativos de Santo Antônio do Pinhal!

As férias de julho estão chegando e as cidades da Serra da Mantiqueira estão entre as mais procuradas. Para quem deseja fugir da agitação, da badalação e das praias lotadas, Santo Antônio do Pinhal, a 172 km de São Paulo, é o destino certo. Cercada por belas montanhas, com clima ameno e ar puro, alguns atrativos como belezas naturais, artes, cultura e hospedagem charmosa e aconchegante atraem cada vez mais turistas para a cidade do santo casamenteiro.


Com o título de Estância Climática do estado de São Paulo, o centro da cidade possui arquitetura com traços da cultura europeia e oriental, comunidades presentes na região. Os turistas podem visitar a igreja da Matriz, Mirantes e a fonte de Santo Antônio, com bica de água fresca que desce das montanhas. Outra opção são as diversas lojinhas do centro da cidade com lembrancinhas, guloseimas típicas da Mantiqueira, artesanato local, roupas, móveis com design requintado e obras de arte. Conheça alguns dos principais atrativos da cidade.


Caminho das artes


É quase impossível dissociar Santo Antônio do Pinhal das ricas manifestações artísticas e culturais. Diversos artistas de renome internacional adotaram a cidade como lar e fonte de inspiração para criar obras memoráveis. É possível encontrar artistas plásticos, artesãos, ateliês de cerâmicas, artesanatos, design de móveis, obras de decoração em papel machê, antiquários. Além disso, a cidade recebe anualmente a FLIMA (Festa Literária Internacional da Mantiqueira).


Belezas naturais de Santo Antônio do Pinhal


Voo de pararente no Pico Agudo, em Santo Antônio do Pinhal - crédito: Wagner Ribeiro

Como as principais atrações de Santo Antônio do Pinhal estão ligadas direta ou indiretamente à natureza, os visitantes podem fazer trilhas com diversos graus de dificuldade, conhecer bosques, rios, cachoeiras e nascentes, sendo a principal delas a Cachoeira do Lajeado. Mas, sem dúvida, o Pico Agudo é um cartão postal e um passeio indispensável.


Com aproximadamente 1.700 metros de altitude, o Pico Agudo sempre deslumbra os turistas com a beleza da vista de 360°. É possível admirar as montanhas da Serra da Mantiqueira, do Sul de Minas e do Vale do Paraíba. Ainda é possível assistir a voos de parapente no local. Se você for aventureiro e quiser experimentar a sensação de ganhar os céus, há diversas agências locais que agendam voos com instrutores preparados para garantir a adrenalina com segurança.


Outra opção interessante é conhecer a antiga Estação de trem Eugênio Lefèvre, ainda em atividade, tomar um delicioso café e provar o famoso bolinho de bacalhau.


Onde se hospedar


Um dos chalés da Pousada Quatro Estações de Pinhal, em Santo Antônio do Pinhal (SP) - crédito: Divulgação

A Pousada Quatro Estações de Pinhal, uma das mais charmosas da cidade, é a dica de hospedagem. Com um ambiente intimista e aconchegante, os chalés são amplos e cuidadosamente decorados. Alguns deles oferecem belas vistas para as montanhas, banheiras de hidromassagem, teto solar retrátil e lareiras, tornando o clima muito acolhedor. As acomodações possuem estacionamento, Wi-Fi, frigobar free, telefone, TV a cabo, cama Queen Size. Em termos de lazer, dá para aproveitar uma jacuzzi aquecida e uma piscina, salão de jogos e sala de estar.


Durante as férias de julho, os pacotes de fim de semana para casal, de sexta-feira a domingo, têm tarifas variando a partir de R$ 1.860. No valor está incluso um delicioso café da manhã, preparado com ingredientes produzidos na pousada ou por produtores locais. A experiência da primeira refeição do dia está entre os destaques da pousada.


Onde comer


Bacalhau confitado do Bistrô Seu Benedito - crédito: Divulgação

O Bistrô Seu Beneditu, instalado dentro da Pousada Quatro Estações de Pinhal, é aberto ao público e se destaca na cidade por oferecer o que há de melhor na culinária regional, mas com um toque gourmet. O Chef Daniel Ferreira, conhecido nome na gastronomia da Serra, assina um menu delicioso que valoriza o uso de ingredientes orgânicos produzidos na região.


Com opções de carne, peixes, aves e massas, o menu pode ser servido em três etapas: entrada, prato principal e sobremesa. Entre as opções de entrada, estão Ceviche de Truta: com coentro, limão, cebola roxa e chips de batata doce por R$ 43; Arrancini: bolinho de risoto recheado com queijo Mantiqueira e geleia da casa, R$ 32; Capresse: queijo boursin, tomate cereja confit, pesto, purê de tomate, R$ 35.


Entre os pratos principais, algumas opções são o Mignon ao molho de gorgonzola: com mignon grelhado, molho de gorgonzola, purê de abóbora cabotiá, custando R$ 79; Bacalhau Confitado: postas de bacalhau confitado com gratin dauphinois, R$ 83; Galeto: galeto primo canto assado, com molho de laranja, acompanhado de fetuccinne Alfredo, R$ 69. Em se tratando de sobremesas, há opções como Crème brûlée de cumaru, R$ 36; Semifredo de chocolate e amburana; R$ 33, entre outras.


Com essas dicas, basta preparar o roteiro, fazer a reserva, organizar as malas e colocar o pé na estrada.

留言


bottom of page