top of page
  • Foto do escritorAbner Oliveira

Orient Express anuncia o maior veleiro do mundo!

Após 140 anos do lançamento de seus primeiros trens de luxo, a lenda do Orient Express continua com a inauguração do maior veleiro do mundo, o Orient Express Silenseas. Esta revolução na história marítima é um empreendimento ambicioso, que ultrapassa os limites do que é possível.


Resultado de uma parceria francesa única entre a líder mundial em hotelaria Accor e a Chantiers de l'Atlantique, empresa de construção naval, este extraordinário iate à vela do futuro com interiores espetaculares iniciará suas viagens em 2026.

"A inovação está no coração deste veleiro ultramoderno, que revolucionará o mundo marítimo com novas tecnologias para enfrentar os desafios atuais de sustentabilidade. É um barco projetado para tornar os sonhos uma realidade e uma vitrine do melhor savoir-faire francês." - Sébastien Bazin, Chairman e CEO da Accor

"Com uma carta de intenção assinada para a encomenda de dois navios, Chantiers de l'Atlantique tem o orgulho de anunciar uma nova era na indústria de construção naval com o Silenseas. Este conceito, nascido em nossos escritórios de design em 2018, é o ápice de nosso savoir-faire no setor, desde a construção de cascos sofisticados ao design de espaços luxuosos." - Laurent Castaing, managing director da Chantiers de l'Atlantique.

Tendo como referência a Era de Ouro da Riviera Francesa, o Orient Express Silenseas ecoará o período glorioso em que escritores, artistas, pintores, princesas e estrelas de cinema passavam um tempo entre Monte-Carlo, praias de Saint-Tropez, Cap d'Antibes e Cannes, com sua famosa Croisette. Dessa maneira, descobriram um requinte tingido pela despreocupação e joie de vivre, realizando escapadas extremas.

Crédito: Orient Express Silenseas/Martin Darzacq


Tesouro oceânico de 220 metros de comprimento com uma tonelagem de 22.300 UMS, o Orient Express Silenseas contará com 54 suítes, medindo 70 metros quadrados, em média, cada, incluindo uma monumental suíte presidencial de 1,4 mil metros quadrados (com direito a terraço privativo de 530 metros quadrados), duas piscinas, sendo uma delas olímpica, dois restaurantes e speakeasy bar. A embarcação singular vai celebrar a Arte de Viajar à la Orient Express: esplendor do luxo, conforto absoluto e dos sonhos.

Homenagem aos artistas e à cultura, o Orient Express Silenseas convidará os hóspedes a vivenciar espetáculos incríveis no seu Anfiteatro-Cabaret, e um estúdio privado de gravação dará voz às mais belas melodias. Esta experiência única de viagem, guiada pelos ventos, contará com tratamentos de spa, sessões de meditação e explorações com paradas para descobrir tesouros locais, que permitem aos hóspedes se desconectar completamente da realidade e parar o tempo.


Aproveitando a experiência destes especialistas em corridas oceânicas, o Orient Express Silenseas navegará com um revolucionário design tecnológico conhecido como SolidSail: três velas rígidas com uma área de superfície de 1.500 metros, cada, que serão içadas em uma plataforma balestron, com três mastros basculantes atingindo mais de 100 metros de altura, capazes de garantir até 100% da propulsão em condições climáticas adequadas. Esta fórmula de propulsão híbrida combinará energia eólica com um motor de última geração, movido a gás natural liquefeito (GNL), com planos de usar hidrogênio verde assim que a tecnologia for aprovada para navios de passageiros oceânicos, lançando uma nova visão mais ecológica das viagens marítimas.

A mais recente façanha da Chantiers de l'Atlantique é um verdadeiro veleiro do futuro, que combina os melhores talentos franceses. O renomado arquiteto Maxime d'Angeac projetará o layout e a decoração do interior. Já a empresa de design Stirling Design International, com sede em Nantes, cuidará da arquitetura externa. A Hetland Maritime também ajudou a Accor na criação do Silenseas e nas discussões em andamento com Chantiers de l'Atlantique.


Todo o projeto será financiado em até 70-80% por bancos comerciais, com o restante fornecido por um grupo de sócios no qual a Accor terá uma participação minoritária.

Комментарии


bottom of page